Sempre existirá o vento do consumismo querendo nos arrastar!

Leio muito sobre como ter mais consciência quando o assunto é comprar,descobri o minimalismo tem mais de um ano,mesmo com esse estudo sobre o tema,me pego muitas vezes comprando e acumulando tralhas. È como um fumante que sabe que a nicotina faz mal á saúde,mas ele continua no vicio,lógico! porque as coisas não são simples,leva tempo e mesmo levando tempo,você pode voltar a ter recaídas.

Recentemente vi vários blogueiros falando sobre minimalismo e afins,muito mais por ser um assunto que está se tornando popular do que por passar a ideia adiante,isso é bem péssimo.

tumblr_m8yubhonhi1r93oioo1_250

A verdade é que sabemos que comprar  é algo que traz prazer (temporário),traz status (a vontade de mostrar para outras pessoas),a necessidade está lá no túnel escuro.

Esse texto é para dizer que, só dizer “eu sou minimalista” não te torna minimalista,é um ato diário,são ações,diga  não ser minimalista e sim diga eu estar tentando praticar o minimalismo porém pensando no  longo caminho pela frente.

Um bom filme sobre consumismo é “Os delírios de Becky Bloom“,fala sobre comprar e comprar,recomendo assistir.

E você? tem praticado o minimalismo?

Anúncios

4 comentários sobre “Sempre existirá o vento do consumismo querendo nos arrastar!

  1. Oi! Acho o minimalismo um assunto bem delicado. Eu admiro muito algumas pessoas que seguem o estilo de vida pregado (O blog Becoming Minimalist é o meu preferido!). Aos poucos estou incorporando o conceito no meu dia a dia. Reduzi significativamente peças de roupas e cosméticos, por exemplo. Mas, para mim, mais do que ser minimalista, é importante fazer compras conscientes e de marcas que sejam éticas e sustentáveis. Venho trazendo alguma coisa sobre isso no meu blog e o que mais tenho percebido é que as pessoas têm muita dificuldade de abrir mão de coisas. Eu, muitas vezes, como você disse, também me pego pensando em comprar coisas que nem preciso. Mas acredito que o primeiro passo seja tomar a consciência e que podemos realizar o processo de forma gradativa, afinal, é para ser uma coisa positiva na nossa vida.
    Adorei como em seu blog você aborda muito das coisas nas quais eu também acredito. ❤
    Beijos,
    Bru
    http://www.moderando.com

    Curtido por 1 pessoa

  2. Não me considero minimalista, mas sou inspirada por uma onda de preciso-saber-o-que-estou-realmente usando, e as coisas que entulham acabam incomodando. Pratico doação, e não tenho muitos impulsos consumistas, mas ainda há espaços com muito objetos, como os muitos potinhos na cozinha. Às vezes tenho um estalo e preciso rever os objetos de um ambiente específico. Acho que posso dizer que melhorei em muitos aspectos: roupas suficientes, não pirar na papelaria, questionar-me no ato de cada compra.
    Post essencial.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s